Ultimamente tenho observado, que cada dia em minha vida, tem se mostrado de forma realmente surpree

domingo, 1 de julho de 2012

TRAIÇÃO


A traição embora seja algo comum, pois com certeza muitos homens e mulheres já passaram por isso, é um assunto polêmico e que incomoda, pois a traição dói e o que mais dói é a decepção em saber que você foi enganada por uma pessoa a quem tinha ou tem grande apreço.
Existem vários tipos de traições, mas a conjugal é com certeza a que causa maior estrago, pois compromete não só o casal envolvido, mas na maioria das vezes a família inteira, incluindo os filhos.
Não tem como negar que nós mulheres temos sim o chamado “sexto sentido”, por isso em questão de traição se ainda não temos certeza, desconfiamos que estamos sendo traídas, até porque os homens conseguem deixar várias pistas que podem nos levar a confirmação do fato.
Algumas mulheres são ciumentas por natureza, outras já se assumem paranoicas, por isso ao desconfiar de uma traição é fundamental ter certeza antes de chamar o gato para uma conversinha, mas primeiro, é importante vencer a insegurança e observar, pois ao pular a cerca, o homem muda sua rotina e seu comportamento completamente, por isso esteja atenta a esses sinais:
 Caso comece a receber ligações fora de hora e a atendê-las longe de você.
Tem vários hobbies e nunca a inclui em nenhuma atividade.
 Quando juntos, mostra-se cansado e entediado o tempo inteiro.
 Mostra-se mais romântico ou ciumento do que o normal.
 Não se empenha em conversar com você e vira e mexe se diz “sufocado”.
 Está sempre ocupado demais para você.
 Prefere sair com os amigos.
Começa a chegar mais tarde em casa do que o normal ou simplesmente some sem dar notícia. Todos esses podem ser indícios de que você está sendo traída.
De forma geral a traição é sempre um alerta de que a relação não está bem e nós mulheres não somos bobas, pois sempre sabemos quando há alguma coisa errada, porém é importante ressaltar que nem sempre alguma mudança no comportamento do gato pode ser sinal de traição, é importante não ficar neurótica, pois muitas vezes o namoro e até mesmo o casamento passam por fases desgastantes, sem que haja infidelidade.
Caso perceba que algo não vai bem, chame o moço para uma conversa franca antes que a situação se complique e vocês se distanciam mais, antes de acusá-lo de algo, seja a detetive e faça uma pequena investigaçãozinha você mesma, observe se o cansaço dele é constante ou se dura uma semana, observe também os extremos, pois muito carinho ou muito desprezo pode ser um sinal de alerta.


(D A)

Um comentário: