Ultimamente tenho observado, que cada dia em minha vida, tem se mostrado de forma realmente surpree

terça-feira, 29 de março de 2011

SAUDADE

Hoje quem me faz companhia é a saudade
Hoje quem me faz companhia é o silêncio
Hoje quem me faz companhia é o desejo
que invade meu corpo por falta dos seus carinhos
que aprendi a amar e desejar intensamente.
Hoje quem me faz companhia é o tempo
que me faz esperar, o momento tão sonhado
de te encontrar e a vontade de te tocar
te beijar, querendo te amar e te amando eu diria,
que jamais te esqueceria pra nunca mais te deixar.
Hoje quem me faz companhia é o relógio e o giro
dos meus olhos nos ponteiros que me cercam na
esperança que tenho, de poder amanhecer
olhando os teus olhos e desejando a tua boca.
Hoje quem me faz companhia é o amor.
Se dentro de você existe um pouco de mim,
dentro de mim existe muito de você.
Ah! Se você soubesse o quanto fico feliz
ao sentir a sua presença no meu coração!
Ah! Se você soubesse que anseio ouvir sua voz
pra sentir que somos apenas um.
Ah! Se você pudesse ver o tamanho do meu sorriso
saberia entender o quanto me faz feliz quando
carinhosamente me diz: EU TE AMO!

M@ José
27/03/2011

O TAMANHO DO AMOR

Como se mede o amor?
Quais os critérios pra qualificá-lo?
Até onde sentimos o seu valor
E o que nos leva às vezes a violá-lo?



De que maneira devemos amar
Pra que o outro se sinta satisfeito
E não fique a murmurar
Com medo de um sonho desfeito?



O amor não se mede não se limita
É mágico, é intenso, simples e presente
O amor não se entende, nem se explica
O amor se dá, se demonstra e se sente.



M@ José

domingo, 20 de março de 2011

ESPERAR...

Esperar... Parece não ter fim
Esperar... Esperarei sim
Esperar... Até você chegar
Esperar... E nunca desanimar


Esperar... Para te abraçar
Esperar... Pra você me alegrar
Esperar... Com amor no coração
Esperar... Não há outra solução


Esperar... Sem ver o tempo passar 
Esperar... A noite e o dia clarear
Esperar... Uma música, uma poesia
Esperar... Seu carinho, sua alegria


Esperar... Com amor
Esperar... Com paciência no Senhor
Esperar... Esperar sempre
Esperar... É ter você presente.


M@ José
* * *

sábado, 19 de março de 2011

AMOR

Nosso encontro não foi casual
Estava escrito no livro do viver
Hoje somos um amor virtual
Até o dia de nos conhecer.



M@ José

terça-feira, 15 de março de 2011

14/03 - Dia Nacional da Poesia
POESIA!

Tu és a rosa vermelha
Que nasceu do lado esquerdo
Do meu peito e que agora corre
Livre por todas as minhas veias


És a luz dos meus olhos
O sorriso dos meus lábios
A ânsia do meu viver
E a paz que gosto de ter



És o meu hoje
A minha estrela brilhante
Meu céu e o mar
Que vejo nesse instante



És o caule do amor
Sustentando meu coração
Em tuas asas como águia
Prossigo amando...
Você!



M@ José

sábado, 12 de março de 2011

TROVAS



Homem tão menino
Esse teu jeito de amar
Leva-me ao desatino
Não vejo o tempo passar


Mulher tão pequenina
Esse teu jeito de sonhar
Se te amar for minha sina
Ao teu lado quero estar


Que o amor seja lindo
Como uma noite de luar
Como corpos se unindo
A brisa da beira-mar.


Mary Jose





 

terça-feira, 8 de março de 2011


SORRISO

Teu sorriso de outrora,
Encantou o meu olhar.
Ah! Se fosse agora!
Eu poderia te beijar.

M@ José

segunda-feira, 7 de março de 2011

AMO VOCÊ...MULHER




Branca, Negra, Mulata
Doméstica, Operária
Artesã, Artista, Poetisa
Libertina, Feminista
Religiosa, Prostituta
Burguesa, Camponesa
Apaixonada.
*
Alienada...
Amo não por seres alienada
Quando apenas te preocupas
Com o penteado, a cor das unhas,
O vestido que usarás a noite,
E a novela das oito.
Amo, não pelo que você é
Mas, antes de tudo por seres Mulher.
*
Mãe, Filha, Amiga
Irmã, Companheira,
Confidente, Cúmplice.
Jovem, Idosa, Amorosa.
Seja você qual for...
Amo você Mulher,
Por representar o Amor.
*
Amo, simplesmente amo,
Ainda que a mim não amem,
Amo a todas sem discriminação,
Até você
Mulher – homem
Não por ser o que você é,
Mas, porque sou Deus
E te fiz nascer MULHER.
M@ José

MULHER...MARIA...MÃE


Criou Deus o céu e a terra
A terra era sem forma e vazia
Não tinha amor nem poesia
Beleza que a todos encerra

E o seu grande criador
Revestido em Seu poder
O ser vivente ele criou
E a cada um lhe deu prazer

Tudo era bom perante Deus
Adão ao dormir não sabia
Que Deus uma Eva lhe daria 
Para acrescentar aos feitos seus

Frente a frente nus estavam
Prontos para a multiplicação
E de nada se envergonhavam
Tão grande era a satisfação!

O ser humano se reproduzia
Entre música, poesia e amor
Deus escolheu a Mulher Maria
Para ser a Mãe do Redentor.

M@ José